EPE, ANP e FGV Discutem o RenovaBio

A EPE, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) e a Fundação Getúlio Vargas (FGV Energia) promoveram nesta quinta-feira, primeiro de fevereiro, O evento "RenovaBio – Próximos passos". O objetivo do encontro foi apresentar as principais iniciativas a serem adotadas pelo Ministério de Minas e Energia (MME), pela ANP e pela EPE para viabilizar a implementação do RenovaBio, instituído pela Lei nº 13.576, de 26 de dezembro de 2017. O encontro foi realizado no Centro Cultural da FGV, no Rio de Janeiro, contou com mais de 300 participantes e a imprensa, o auditório teve sua lotação esgotada. 

A Abertura do evento contou com a presença o Secretário de Petróleo e Gás do Ministério de Minas e Energia, Márcio Félix, que declarou; "Que a minuta do decreto, que é o coração da governança do RenovaBio, ainda vai ser debatida no governo, com a sociedade, até que ela possa chegar em junho. 

Lançado em dezembro de 2016, o RENOVABIO foi submetido à consulta pública no primeiro trimestre de 2017 e em junho suas diretrizes foram aprovadas pelo Conselho Nacional de Política Energética (CNPE). O RenovaBio vai ao encontro do Acordo do Clima de Paris e atende alguns compromissos do Brasil como o de cortar as emissões de gases causadores do efeito estufa. 

Felipe Kury, diretor da ANP, falou na abertura do evento e ressaltou também a importância do programa para a economia: " o RenovaBio é uma grande oportunidade para o País em termos de geração de emprego, desenvolvimento econômico e ampliação da renda em diversas regiões. "Os biocombustíveis terão, cada vez mais, uma presença enorme em nossa matriz energética. A ANP está empenhada para que esse programa seja um sucesso". 

O evento teve como painelistas: O Diretor Superintendente da União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (Ubrabio) Donizete Tokarski ; a Presidente da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) Elizabeth Farina, O Diretor da ANP Aurélio Amaral; a Pesqusiadora da FGV Energia Tamar Roitman e O Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis da EPE, Josè Mauro Coelho (foto). 

O Diretor da EPE, Josè Mauro Coelho, falou da participação da EPE e agradeceu publicamente à sua equipe integrada por mais de 25 profissionais de expertises distintas. Também durante sua apresentação (disponível para download no link abaixo) o diretor destacou os Modelos Matemáticos da EPE, que tem por objetivo subsidiar o Ministério de Minas e Energia em aspectos relacionados à Política Nacional de Biocombustíveis (RenovaBio).

O RenovaBio

 

O RenovaBio é um programa do Governo Federal para expandir a produção de biocombustíveis no Brasil, baseada na previsibilidade, na sustentabilidade ambiental, econômica e social, e compatível com o crescimento do mercado. A iniciativa tem como objetivos:

• Contribuir para o atendimento aos compromissos do Brasil no âmbito do Acordo de Paris sob a Convenção-Quadro das Nações Unidas sobre Mudança do Clima;
• Contribuir com a adequada relação de eficiência energética e de redução de emissões de gases causadores do efeito estufa na produção, na comercialização e no uso de biocombustíveis;
• Promover a adequada expansão da produção e do uso de biocombustíveis na matriz energética nacional, com ênfase na regularidade do abastecimento de combustíveis;
• Contribuir com previsibilidade para a participação competitiva dos diversos biocombustíveis no mercado nacional de combustíveis.

Apresentação RenovaBio – Próximos passos


IMG_3046 Edit.jpg IMG_3080.JPG
IMG_3086.JPG IMG_3205.JPG
WhatsApp Image 2018-02-01 at 20.39.38.jpeg


Notícias Relacionadas

Cenários de Oferta de Etanol e Demanda do Ciclo Otto: 2018-2030

22/05/2018 - Com o presente estudo, a EPE visa contribuir para a identificação das oportunidades e ameaças ao abastecimento nacional dos veículos leves do Ciclo Otto (etanol e gasolina automotiva), assim como para a discussão acerca das alternativas de políticas públicas.

Perspectivas da oferta de etanol e demanda do Ciclo Otto: uma visão até 2030 – Reportagem Revista Canavieiros

02/05/2018 - O estudo da EPE sobre as perspectivas com o Renovabio é tema de destaque em matéria publicada na Revista Canavieiros, edição 142 de abril/2018.

Informe Técnico: Terminais de Regaseificação de GNL nos Portos Brasileiros - Panorama dos Principais Projetos e Estudos

20/04/2018 - O informe apresenta as principais características técnicas e os graus de maturidade dos estudos e projetos de terminais de regaseificação de gás natural liquefeito (GNL) no litoral brasileiro, consolidando as informações divulgadas nos sítios eletrônicos das empresas envolvidas, em eventos do setor de energia e na mídia especializada.

Em nova publicação, o JornalCana destaca informações da EPE em diversas matérias.

18/04/2018 - Na edição 291 de abril/2018, informações e estudos da EPE estão em temas de destaque nas diversas matérias publicadas.

EPE participa da 3ª Reunião do Comitê RenovaBio

18/04/2018 - O Presidente em Exercício e Diretor de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis, José Mauro Coelho, o Consultor Técnico da Área de Biocombustíveis, Rafael Barros Araujo e os Analistas de Pesquisa Energética, Kriseida Alekseev (SPT/DPG) e Dan Abensur Gandelman (DEE/SGE), compareceram no Ministério de Minas e Energia, nessa quarta-feira (18/04), para participar da 3ª Reunião do Comitê RenovaBio.