EPE lança duas notas técnicas sobre Refino no Brasil

No dia 27/02, ocorreu, no auditório da EPE, a apresentação de duas Notas Técnicas elaboradas pela Diretoria de Petróleo Gás e Biocombustíveis, que contou com a presença de diferentes agentes do setor energético e personalidades como o Secretário Geral de Desenvolvimento do Espírito Santo, Heber Viana de Resende e do Diretor do Departamento de Combustíveis e Derivados de Petróleo do MME, o Sr. Claudio Ishihara.

As apresentações foram feitas pela Analista, Fernanda Marques Pereira, pelo Superintendente - Adjunto, Marcelo Cavalcanti, o Analista, Vitor Manuel do Espírito Santo Silva, pela Consultora Técnica II, Patrícia Feitosa Bonfim Stelling, e, por fim, Superintendente Marcos Frederico.

A primeira nota técnica abordou o assunto "Panorama do Refino e da Petroquímica no Brasil" que teve como objetivo apresentar o panorama atual dos segmentos de refino e de petroquímica no Brasil, sendo apresentados detalhes sobre o parque de refino atual e discutidos aspectos relacionados à cadeia petroquímica no País. Tais segmentos são responsáveis pela oferta de derivados de petróleo, principalmente combustíveis, e produtos petroquímicos, utilizados amplamente na indústria, representando 3,9% do PIB industrial nacional em 2015.

A segunda Nota Técnica, "O Refino no Brasil e as Refinarias de Pequeno Porte" discutiu aspectos relacionados à implantação de refinarias de pequeno porte no Brasil, tendo em vista, o potencial da produção de petróleo em campos terrestres e os desafios do abastecimento nacional de derivados. Nesse contexto, analisam-se as condições para o sucesso desse tipo de empreendimento, como a disponibilidade regional de petróleo, as localizações potenciais, o tamanho dos mercados consumidores locais e a análise de viabilidade técnica-econômica dessas refinarias. A apresentação destes documentos foi de extrema importância para o enriquecimento de informações sobre os temas abordados. As fotos do evento estão disponíveis em nosso FLICKR.

_MG_8894.JPG

_MG_8904.JPG

Fostos: ASCOM/EPE


Notícias Relacionadas

EPE organiza Workshop de Critérios de Garantia de Suprimento

18/07/2019 - O workshop aconteceu dia 17 de julho, no auditório do RB1, no Rio de Janeiro. O objetivo do evento oferecido pela EPE foi apresentar e discutir com os agentes uma proposta de revisão dos atuais critérios de garantia de suprimento, uma iniciativa que ocorreu no âmbito do GT Modernização do Setor Elétrico.

EPE realiza Seminário Sobre Indicadores de Eficiência Energética

18/07/2019 - Aconteceu dia 16 de julho o Seminário sobre Indicadores de Eficiência Energética organizado pela EPE. O evento ocorreu nas dependências da instituição, das 9h às 13h. A abertura do seminário contou com a participação do presidente da EPE Thiago Barral, da representante do Ministério de Minas e Energia (MME) Samira Souza, da representante da Internacional Energy Agency (IEA) Edith Bayer e foi mediado pelo superintende da EPE, Jeferson Soares.

EPE promove, em parceria com o IBP, a segunda edição do Ciclo de Debates para Transição Energética 2019

17/07/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE) promoveu, em parceria com o IBP, a segunda edição do Ciclo de Debates para Transição Energética 2019. O evento aconteceu no dia 02 de julho, no Prodigy Hotel, no Rio de Janeiro.

Por que queremos novos critérios de suprimento?

15/07/2019 - No próximo dia 17 de julho a EPE realizará no seu auditório um workshop para apresentar e discutir com os agentes uma proposta de revisão dos atuais critérios de garantia de suprimento. Essa iniciativa ocorrerá no âmbito do GT Modernização do Setor Elétrico e contará com transmissão pelo canal da EPE no Youtube. Esse workshop antecede a abertura de uma consulta pública sobre o tema. Mas afinal, do que se tratam, por que eles são tão importantes e o que se pretende com a sua revisão?

Contribua com o Relatório sobre Critério de Garantia de Suprimento

15/07/2019 - O Grupo Temático de Critério de Suprimento, coordenado pela EPE, elaborou um diagnóstico sobre a situação atual dos critérios de garantia de suprimento e propõe reflexões sobre a inclusão de novos atributos ao critério brasileiro.