EPE participa do Workshop “Gás Natural da Amazônia - Garantia de Desenvolvimento Sustentável para o Estado”

O Workshop "Gás Natural da Amazônia - Garantia de Desenvolvimento Sustentável para o Estado" aconteceu dia 20 de agosto, em Manaus. O diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, José Mauro Coelho, e o superintendente de Petróleo e Gás Natural, Marcos Frederico Farias de Souza, representaram a EPE no seminário.

A mesa de abertura do evento teve a participação do diretor José Mauro (EPE), do diretor da ANP, José Cesário Cecchi, da diretora do Departamento de Gás Natural do Ministério de Minas e Energia, Symone Araújo, do deputado federal e presidente da Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados do AM, Silas Câmara, do governador do estado do Amazonas, Wilson Lima, e do vice diretor geral da Rosneft, Alexandre Quadrado. 

mesadeabertura.jpg

O superintendente Marcos Frederico (EPE), palestrou sobre o tema "Potencial Geológico da Bacia do Solimões". Durante a apresentação, Marcos Frederico apontou, dentre diversos assuntos, o "Zoneamento Nacional de Recursos de Óleo e Gás", especialmente a Bacia do Solimões, sua Importância petrolífera e seu potencial exploratório, além da Produção Potencial de Gás Natural dessa Bacia - cenário até 2030 e os principais Desafios para a Monetização do Potencial de Gás no Amazonas. Confira a apresentação aqui

Organizado pela Rosneft Brasil e o Governo do Estado do Amazonas, o workshop teve como objetivo discutir a modernização da exploração do Gás Natural do Amazonas, o Novo Mercado de Gás, o Acesso à Infraestrutura, o Potencial Geológico da Bacia do Solimões e o Projeto de Gás do Solimões. Em junho de 2019, a Rosneft e o Governo do Amazonas assinaram uma carta de intenções que concede ao Projeto de Gás do Solimões o status de prioritário para o Estado. O projeto tem diversos benefícios mapeados para a economia local, como o potencial de aumentar a arrecadação de tributos e a geração de milhares de empregos diretos e indiretos.

José Mauro.JPG

Notícias Relacionadas

EPE palestra no Quartel General do Exército Brasileiro em Brasília

14/11/2019 - A EPE esteve no Quartel General do Exército Brasileiro, em Brasília, na última terça (12) para proferir palestra aos Oficiais Generais e Superiores do Exército Brasileiro, que ocorreu no Departamento de Ciência e Tecnologia do Exército.

EPE abre Consulta Pública do documento Zoneamento Nacional de Recursos de Óleo e Gás 2019

14/11/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética - EPE abre em 14/11/2019 a Consulta Pública do documento “Zoneamento Nacional de Recursos de Óleo e Gás 2019”. O Zoneamento é um estudo contínuo realizado em ciclos pela EPE para apoiar o Ministério de Minas e Energia - MME na elaboração do planejamento energético do País.

EPE e IEA convidam para o evento: Technical Workshop Brazilian Power System Transformation

14/11/2019 - O Setor Elétrico Brasileiro deverá sofrer mudanças significativas em um futuro próximo. O aumento da penetração das energias renováveis surge com o impulso de modernizar o sistema de energia, possibilitando a introdução de novas tecnologias no setor.

A Empresa de Pesquisa Energética publica o Anuário Estatístico de Energia Elétrica 2019

14/11/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética - EPE disponibiliza as planilhas eletrônicas (Workbook) do Anuário Estatístico de Energia Elétrica 2019 (Ano base 2018), nas quais estão disponíveis os dados consolidados de consumo de energia elétrica nos últimos cinco anos. Em 2018, o consumo de eletricidade na rede no país cresceu 1,6% em relação a 2017, que já tinha sofrido um aumento de 1,2% em relação ao ano anterior, alcançando 474,82 TWh, mantendo o Brasil entre os dez maiores consumidores do mundo

EPE publica Boletim Trimestral de Energia Eólica

12/11/2019 - A Empresa de Pesquisa Energética publica o Boletim Trimestral de Energia Eólica, que registra um histórico de mais de 7 anos, iniciado em janeiro de 2012, da disponibilidade mensal da energia primária (índice de energia) e do potencial de transformação dessa energia em energia elétrica (índice de produção) de três “bacias” eólicas brasileiras que congregam os Estados do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Ceará, Piauí, Bahia e Pernambuco.