EPE promove 1º Workshop Estudos de Expansão da Malha Dutoviária do País

No dia 29 de março de 2019, foi realizado pela Empresa de Pesquisa Energética o 1º Workshop Estudos de Expansão da Malha Dutoviária do País, com a participação do Ministério de Minas e Energia (MME), da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), da Empresa de Pesquisa Energética (EPE), da Associação de Empresas de Transporte de Gás Natural por Gasoduto (ATGÁS) e de Transportadores de Gás Natural (TBG, NTS, TSB). 

O Decreto nº 9.616, de 17 de dezembro de 2018, instituiu em seu Artigo 1º que “a EPE elaborará os estudos de expansão da malha dutoviária do País considerando os planos de investimentos dos transportadores, as informações de mercado e as diretrizes do Ministério de Minas e Energia”. Neste sentido, os estudos de expansão da malha dutoviária serão publicados na forma do Plano Indicativo de Gasodutos, onde serão apresentadas análises sobre alternativas de gasodutos de transporte em relação a alguns cenários de oferta e demanda, incluindo avaliações técnicas, econômicas e socioambientais das diversas alternativas de projetos.

No evento foram apresentadas algumas opções preliminares elencadas pela EPE para serem avaliadas no Plano Indicativo de Gasodutos, e os transportadores puderam comentar sobre as suas expectativas quanto a possíveis ampliações na infraestrutura de transporte de gás natural nos próximos 10 anos. De forma geral, os seguintes assuntos foram abordados no evento: (i) perspectivas para o transporte de gás natural; (ii) oportunidades de expansão da malha de gasodutos de transporte; e (iii) planos de investimento dos transportadores. Clique aqui  e acesse a apresentação que disponibilizamos. 

Dentro de um cronograma estabelecido, a EPE publicará o Plano Indicativo de Gasodutos em setembro desse ano.


_MG_9071.JPG

Presidente da EPE, Thiago Barral


_MG_9082.JPG

Diretor de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis, José Mauro Ferreira Coelho

_MG_9087.JPG
Secretário de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis do MME, Márcio Felix.


Notícias Relacionadas

Resenha de Maio reflete impactos da pandemia da COVID-19

29/05/2020 - O consumo de energia elétrica na rede em abril apresentou retração de 6,6% em relação a igual período do ano anterior, refletindo os impactos da pandemia da COVID-19 nas classes de consumo, principalmente, nas classes comercial (-17,9%) e industrial (-12,4%).

EPE publica Instruções para Apresentação de Planejamento dos Sistemas Isolados

28/05/2020 - EPE publica a atualização das "Instruções para Apresentação de Proposta de Planejamento do Atendimento aos Sistemas Isolados". Nesse ciclo de 2020, assim como já realizado no ciclo anterior, as propostas deverão ser submetidas à EPE exclusivamente por meio do Sistema de Acompanhamento dos Sistemas Isolados – SASI, plataforma desenvolvida com o objetivo de automatizar e agilizar os processos de coleta e de análise dos dados de planejamento das distribuidoras.

Heloísa Borges Esteves é eleita Diretora de Petróleo, Gás e Biocombustíveis da EPE

25/05/2020 - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), anuncia a nomeação e posse de Heloísa Borges Esteves como Diretora de Estudos do Petróleo, Gás e Biocombustíveis. Para assumir a nova função da EPE, ela deixa o posto que ocupava à frente da Superintendência de Promoção de Licitações da Agência Nacional do Petróleo (ANP).

Angela Regina Livino de Carvalho é eleita Diretora de Gestão Corporativa da EPE

25/05/2020 - A Empresa de Pesquisa Energética (EPE), comunica a nomeação e posse de Angela Regina Livino de Carvalho para a Diretoria de Gestão Corporativa da instituição. Angela atua desde 2005 na EPE, tendo ao longo dessa trajetória assumidos diversos desafios técnicos e gerenciais na organização. Angela assume a diretoria após um breve período em que o presidente Thiago Barral atuou como interino, após saída de Alvaro Pereira, antecessor nessa diretoria

Nota sobre o evento “Revisão Extraordinária da Carga”

15/05/2020 - Realizado na sexta-feira, 15 de maio, o evento discorreu sobre os impactos da pandemia de COVID-19 no consumo de energia elétrica e nos requisitos de geração do sistema elétrico. Contou com presença de profissionais da área de diferentes instituições especialistas no ramo, entre elas a EPE.