EPE publica o 4º número do Boletim de Conjuntura da Indústria do Petróleo

O quarto número do Boletim de Conjuntura da indústria do Petróleo apresenta o panorama da Rússia. Atualmente, maior exportador mundial de petróleo e de gás natural, e detentor da maior reserva global de gás natural e da sexta maior de petróleo. Este país possui economia fortemente influenciada por essa indústria, apresentando crescente protagonismo na geopolítica da energia e aumento da interação com países da América Latina, Ásia, Norte da África e Oriente Médio.

No cenário internacional, os primeiros meses de 2018 foram marcados por um aumento nos preços do petróleo tipo Brent que atingiu US$ 80/b em maio, influenciado pela manutenção do acordo de corte de oferta da Opep+, redução significativa na produção venezuelana, gargalos logísticos nos EUA e Canadá, maior percepção de risco devido à saída dos EUA do acordo nuclear com o Irã e do aumento das tensões geopolíticas, além da perspectiva de crescimento da demanda mundial. A flexibilização da política de cortes da Opep+ e a eventual elevação da produção dos EUA podem não ser suficientes para suprir o aumento da demanda, o que ampliaria as incertezas e a volatilidade do mercado no curto prazo.

No Brasil, o êxito de duas rodadas de licitações (4ª Rodada de Partilha e 15ª Rodada de Concessão) e a divulgação da Oferta Permanente de blocos exploratórios reiteram os esforços dispendidos para a retomada do setor. Em relação ao downstream, após a oferta da Petrobras de dois clusters para investidores, discussões acerca da precificação dos combustíveis derivados de petróleo foram ampliadas em decorrência da paralisação nacional de caminhoneiros ocorrida no período.

4º Boletim de Conjuntura da indústria do Petróleo


Notícias Relacionadas

EPE realiza reuniões em Roraima

25/03/2019 - A equipe técnica da Empresa de Pesquisa Energética - EPE, empresa pública vinculada ao Ministério de Minas e Energia, foi recebida no dia 22 de março pelo governador de Roraima, Antônio Denarium, e membros do governo estadual, em Boa Vista. A EPE está desenvolvendo os estudos de viabilidade técnico-econômica e de impacto ambiental da usina hidrelétrica Bem Querer, no Rio Branco, e na reunião os técnicos puderam apresentar o estágio atual desses estudos e as etapas do projeto.

Erik Rego é o novo Diretor de Estudos de Energia Elétrica da EPE

25/03/2019 - Aos 42 anos, Eric Rego, é o novo Diretor de Estudos de Energia Elétrica da EPE. Natural de São Paulo, Eric é Doutor em Ciências – Programa de energia.

Presidente da EPE ministra aula inaugural do Programa de Planejamento Energético da COPPE/UFRJ

25/03/2019 - Aconteceu hoje, às 14h, na Cidade Universitária do Fundão, O presidente da EPE, Thiago Barral, ministrou hoje a aula inaugural do Programa de Planejamento Energético da COPPE/UFRJ.

EPE participa do debate de governança do mercado livre de energia

21/03/2019 - Casos de comercializadoras que não entregaram o que venderam trouxeram à tona temas essenciais para o desenvolvimento do mercado livre de energia, incluindo avançar em uma solução efetiva ao risco hidrológico – mais conhecido como GSF (Generation Scaling Factor) –, em uma nova governança e em maior transparência. Esses foram os principais pontos em análise no club meeting promovido pelo GRI Club Infra nesta quarta-feira, 20/03, no escritório Trench, Rossi e Watanabe Advogados em São Paulo.

EPE apresenta relatório técnico à prefeitura de Iracema

20/03/2019 - Representantes técnicos da EPE - Empresa de Pesquisa Energética foram recebidos pelo chefe de gabinete Waldemir Sousa na manhã desta terça-feira, 19 de março, para tratar de assuntos relacionados a continuidade da elaboração do relatório ambiental e social que dará o aval ou não da expedição da licença prévia para construção da hidrelétrica bem querer.